Home » Curiosidades » Adestradores treinam animais agitados para ajudá-los a viajar mais tranquilos
Curiosidades

Adestradores treinam animais agitados para ajudá-los a viajar mais tranquilos

Seja de avião, carro ou ônibus, viajar com animais de estimação não costuma ser uma coisa fácil. Por diversos motivos, muita gente precisa levar seus animaizinhos e é preciso ter vários cuidados para minimizar problemas. Um dos principais fatores a ser considerado é o temperamento do animal.

Algumas pessoas optam pelo sedativo, que pode ser receitado por um veterinário. A medicação geralmente é utilizada em cães ou gatos que sentem medo de ambientes estranhos.

animais agitados
Foto: Viaje Comigo

Entretanto, o uso de remédios deve ser feito com cautela. Em alguns casos, o tranquilizante pode apresentar efeito reverso e deixar o bichinho ainda mais nervoso por não saber o que está acontecendo. Também é muito importante tomar cuidado com a temperatura do local onde o pet vai ficar, pois eles têm baixa resistência ao calor.

Uma dica que tem começado a fazer sucesso em vários locais do Brasil é o treino especializado para animais agitados. Esse tipo de adestramento prévio pode ensinar o bichinho a ficar mais calmo e tranquilo enquanto está na caixinha de transporte.

Para animais que não estão acostumados a viajar nas caixas, o recomendável é condicioná-los para o uso. Por exemplo, jogando petiscos dentro do objeto, para ele entrar e sair. Ou colocar algum brinquedo que ele goste dentro, para que ele se acostume.

animais agitados
Foto: iStock

As companhias aéreas brasileiras dizem tomar todas as precauções para garantir que o transporte de animais seja seguro. Avianca, Passaredo e Azul, que não levam animais no porão, consideram que, como o pet vai na cabine, o dono deve cuidar do animal. As empresas não têm registros de queixas quanto à fuga de animais.

TAM e Gol não levam animais de focinho curto pela menor capacidade respiratória e de regulação da temperatura. Dizem que, em caso de problemas, mobilizam equipes para dar assistência ao passageiro.

Veja também:  Esta ilha paradisíaca é repleta de cachorrinhos para brincar, passear e adotar

Caso queira trabalhar a educação do seu pet para viajar, procure um adestrador em sua cidade e viva mais histórias com o HU!