Home » Dicas de Viagem » Roteiro Histórico por Alagoas
Dicas de Viagem Nacionais

Roteiro Histórico por Alagoas

Alagoas tem uma cultura riquíssima e própria para quem quer ter um conhecimento que vai além da beleza das praias. Ideal para um slowtravel ou para viagens de longa duração, tanto em Maceió quanto nas demais cidades alagoanas, há culturas preservadas esperando por serem descobertas!

Hoje o Viajante HU apresenta um roteiro histórico por Alagoas! Vem com a gente e curta essa viagem!

Vista Noturna de Maceio

Em Maceió

Museu Théo Brandão – Este museu é considerado a maior referência de cultura popular alagoana e foi criado para abrigar a coleção de arte doada pelo professor e folclorista Théo Brandão, em 1975. O acervo é composto por fotografias, livros, filmes, gravações de músicas regionais, artesanato, quadros e literatura de cordel. Além disso, há objetos de outros países como México, Espanha e Portugal. Para mais informações, acesse o Facebook oficial do lugar.

Museu Theo Brandão

Biblioteca Pública Estadual Graciliano Ramos – Após uma restauração que durou quatro anos, a biblioteca foi reinaugurada em 2014. Seu acervo tem mais de 70 mil volumes, espaços multimídias, materiais em braile. Ela foi inaugurada em 1865 e oferece visitas guiadas para grupos. Para mais informações, acesse o Facebook oficial da biblioteca.

Museu da Imagem e do Som – Também chamado de MISA, o museu foi fundado em 1981 e tem um acervo com fotografias, vídeos, fitas, máquinas fotográficas antigas e outros vários registros sobre a história de Maceió. Ele está situado no centro da cidade, na Praça Dois Leões, e instalado em um casarão de 1869. Para mais informações, acesse o Facebook oficial do museu.

Museu da imagem e do som

Na Serra da Barriga

Memorial Quilombo dos Palmares – Alagoas conta com 59 quilombos reconhecidos, sendo o maior o Parque Memorial Quilombo dos Palmares. Conhecida como a Terra da Liberdade, União dos Palmares conta ainda com o Muquém, Jussarinha, Filus e Mariana. Aqui viveram Gangazumba, Zumbi dos Palmares e Dandara – histórias de luta pela liberdade. Nessa região é possível encontrar ainda as panelas, moringas, chaleiras e cuscuzeiras de Mestra Marinalva feitas com o barro extraído nas imediações do Rio Mundaú. Depois de conhecer todos os detalhes do Quilombo dos Palmares, assistir a uma roda de capoeira, ter uma visão panorâmica nos mirantes do Quilombo e adquirir o artesanato local, os visitantes descem até metade da serra para encontrar um refúgio no restaurante Baobá Raízes e Tradição.

Veja também:  Hotel em Maceió oferece passeio grátis para Maragogi

Povoados da Ilha do Ferro e de Entremontes – Os mais variados cardápios e restaurantes da gastronomia alagoana entre outras excelentes escolhas.Memorial Quilombo dos Palmares

Piranhas

Não deixe de conhecer a Rota do Cangaço, todo o universo de lampião e seus cangaceiros. Uma boa rede de hotéis para receber o turista que busca conhecer um pouco mais das tradições culturais do lugar, alguns tem vista para a reserva. O Mirante Secular foi construído no final do século XIX como um marco para o século XX, oferece uma vista especial da cidade. Você terá acesso à ele através de uma escadaria de cerca de 360 degraus a partir do centro histórico ou por uma estradinha de terra. A cidade fica situada nas montanhas, portanto, na parte alta, assim haja fôlego para chegar ao topo e contemplar a bela vista!

Artesanato, deliciosos sorvetes de frutas regionais com o de rapadura e ouricori, casarios históricos e a tradicional cozinha alagoana!

Casarios em Piranhas

Viu quanta coisa boa espera por você? O Hotel Urbano oferece as melhores condições para sua viagem a Maceió entre outros destinos! Confira a nossa Black Viagem, com promoções imperdíveis e até 40% de desconto, baixe agora o App e Viva mais Histórias!