Home » Dicas de Viagem » Roteiro: O que fazer em São Francisco – Parte 1
Dicas de Viagem Internacionais

Roteiro: O que fazer em São Francisco – Parte 1

Golden Gate
Atravesse a Golden Gate e tenha um dia inesquecível.

São Francisco, uma das cidades dos EUA com maior população e ao mesmo tempo a cidade que todos deveriam visitar pelo menos uma vez na vida. São Francisco é mágica, São Francisco é inesquecível, São Francisco é São Francisco, simplesmente única! É por isso que você, viajante, tem a obrigação de conhecer o melhor dela e obvio que nós, do Hotel Urbano, queremos lhe ajudar! Por isso, preparamos um super roteiro dividido em três partes com o melhor dessa cidade californiana.

Preparando as malas

Antes de começar falando da cidade, vamos dar uma dica sobre o que levar para São Francisco. Primeiramente, não importa qual a época do ano que você vai, a cidade sempre tem um clima não muito normal. Como São Francisco se encontra em uma baía, o frio e o calor se encontram a todo o momento, isso sem contar o vento. Sim, a cidade, na maioria das vezes, não para de ventar, por isso esteja preparado e leve casacos e calças. Muitas vezes o seu passeio pode começar pela manhã e terminar apenas a noite e, caso você tenha um casaco lhe acompanhando, o fim da tarde pode ser muito mais animado.

Cheguei em São Francisco! E agora?

 

São Francisco
Que tal um passeio pelos clássicos bondinhos de São Francisco?

São Francisco não é uma cidade tão grande quanto parece, porém o aeroporto é distante do centro, então muito cuidado ao reservar seu hotel. Para se ter uma ideia, de táxi, do aeroporto até o centro de São Francisco, pode se levar em média de 30 a 40 minutos para chegar. Claro que, além do táxi, que não é nem um pouco barato, os recém-chegados podem optar pelos famosos shuttles (uma espécie de Van) ou até mesmo ônibus.  O ideal para o viajante de primeira visita é que fique no centro da cidade, de preferência o mais próximo da Market Street, assim você não gastará absurdos de locomoção, tanto do aeroporto para o local, quanto nos passeios que serão indicados no decorrer do roteiro.

Veja também:  Cemitério da Recoleta: Saiba o porquê ele é uma das principais atrações de Buenos Aires

Agora que você já largou suas malas no hotel, que tal uma caminhada pela Market Street? Se você não está tão cansado da viagem, aconselho colocar já o pé na rua e começar a caminhar e se divertir no meio das ruas do centro de São Francisco. Por que me divertiria andando na rua, você se pergunta? Eu te digo por quê. As pessoas fazem toda a diferença! São Francisco é famosa por abrigar uma grande variedade de pessoas, de todas as raças, gêneros e tipos, e obviamente onde a variedade é grande, a diversão é garantida. Artistas de rua, hippies que pregam pegadinhas, shows no meio da calçada, tudo isso você encontra caminhando pelo centro. Então não economize as solas do seu sapato e a bateria da sua câmera, aproveite seu primeiro dia e se divirta sem gastar nada.

Reserve seu hotel o mais próximo da Market Street.
Reserve seu hotel o mais próximo da Market Street.

Opa, mas espera aí, a fome bateu e agora? Bom, a cidade é repleta de restaurantes, fast foods e outras coisas gostosas para comer, porém, se você curte algo diferente, com bastante tempero, recomendamos uma passada rápida no Pharaohs Mediterranean Sandwich, uma clássica lanchonete de sanduíche egípcio que fica na Geary Street, nº 608. O Pharaohs Falafel Wrap é uma boa pedida  para os apaixonados por pimenta.

Dormi, acordei, agora vamos curtir \o/

 

Fisherman's Wharf
Não deixe de conhecer o Fisherman’s Wharf.

Agora que seu primeiro dia em São Francisco acabou e sua noite de sono foi ótima, vamos começar a diversão de verdade! A cidade é repleta de opções do que fazer, desde os clássicos passeios turistões, até os mais locais, tudo vale a pena, porém, a dica número 1 para você ter um passeio inesquecível é pegar uma bike e atravessar toda a Golden Gate. Para essa aventura, o ideal é alugar uma bicicleta na área do Fisherman’s Wharf, no porto.

Se você optou por um hotel no centro, ir até o Fisherman’s é moleza, com uma mapa na mão ou um GPS no bolso, a caminhada até lá fica bem tranquila. De quebra, você ainda pode passar por dentro do bairro Chinatown, visitar algumas das dezenas de lojas com produtos chineses, além de conferir um bairro totalmente diferente do resto da cidade. A diferença é tão grande que, em alguns momentos, você consegue esquecer que está nos EUA.

Veja também:  Como fazer o seu roteiro de viagem para Maceió

 

Visitar Chinatown é obrigação!
Visitar Chinatown é obrigação!

Chegando na Fisherman’s Wharf, vá até a Bay Street, lá você encontra várias locadoras de bikes por ótimos preços. Todas as bicicletas já possuem um mapinha mostrando todo o caminho pra chegar até a Golden Gate. Por favor, atravesse a ponte e pedale até Sausalito, uma cidadezinha do outro lado, localizada na área da baía de São Francisco. Para voltar, se estiver cansado, dá pra pegar uma balsa e trazer a bike nela.

Sausalito
Sausalito, uma cidade linda e inesquecível.

Se você optou por fazer esse passeio de manhã cedo, provavelmente ainda tem um bom tempo até o final do dia. Sendo assim, que tal uma passada no Pier 39? Famoso por abrigar o Aquarium of the Bay, onde você passa por um túnel repleto de seres marinhos pelo simbólico valor de $22 por adulto e $13 por criança ou idosos, o Pier 39 é um clássico cenário de filme americano. Nele, além de encontrar diversas lojas com lembranças da cidade (lojas de imãs para geladeira e camisas não faltam),  você também pode conhecer o lindo San Francisco Carrossel, ou até mesmo ver bem de perto os engraçados leões marinhos espalhados por todo o píer.

O Pier 39 é perfeito para qualquer tipo de viagem, seja com crianças, amigos ou casal, a diversão é garantida e algumas horas podem ser perdidas se você optar por entrar na casa dos espelhos (Magowan’s Infinite Mirror Maze – $5 por pessoa),  curtir o aquário já comentado ou experimentar um cinema 7D. Pra melhorar, o píer fica de frente para a famosa prisão Alcatraz, cena de muitos filmes e que hoje também é um dos grandes pontos turísticos da cidade. Infelizmente visitar Alcatraz não é tão fácil assim, devido a sua popularidade, conseguir um ingresso é uma tarefa árdua para quem não se planejou. Uma dica, caso deseje visitar e fazer o passeio por dentro das celas de Alcatraz, é que você compre seu ingresso com pelo menos dois meses de antecedência da viagem.

Veja também:  Roteiro de viagem de até 3 dias: Curitiba
Pier 39
Carrossel, aquário, leões marinhos, restaurantes e muito mais no Pier 39.

Fome, muita fome

Obviamente, depois de um roteiro desse você está se perguntando, que horas irei comer? Muita calma nessa hora, é lógico que não esquecemos isso. O Pier 39 é repleto de restaurantes e barraquinhas de guloseimas. Então, se você quer apenas beliscar, recomendamos experimentar o Corndog, que é basicamente uma salsicha empanada em uma massa de milho. Uma delícia! Mas, se você quer uma comida mais elaborada e é fã de frutos do mar, por favor, vá ao Bubba Gump Shrimp. Caso tenha assistido ao clássico filme Forrest Gump, sabe que Bubba Gump é referência em frutos do mar nos EUA.

 

Bubba Gump
Que tal frutos do mar fresquinhos?

Fim do dia

Sim, viajante, nesse momento, final do dia, você provavelmente está bem cansado,  alimentado e só pensa em uma cama. Por isso, se você não tiver mais disposição de voltar ao seu hotel caminhando, experimente um dos clássicos bondinhos da cidade. Porém, se você é um viajante que não se cansa tão facilmente, termine de andar pelos piers de São Francisco, além de um vasto mercado de frutas e frutos do mar, você ainda pode conhecer a Boudin Bakery, uma padaria maravilhosa que ainda por cima contem um museu do pão em seu interior.

 

Fique ligado nos pacotes internacionais, estão demais!