Home » Dicas de Viagem » O que é Free Shop: tudo que você precisa saber sobre
Curiosidades Dicas de Viagem

O que é Free Shop: tudo que você precisa saber sobre

Esse post vai pra você, que está planejando uma viagem internacional, já até preparou uma lista de coisas a serem compradas, mas está com uma série de dúvidas a serem solucionadas, inclusive sobre: o que é Free Shop? Por isso estamos trazendo ótimas dicas e vamos esclarecer algumas dúvidas que você possa ter na hora de ir às compras. Afinal, quem resiste a produtos incríveis com um super desconto?!

 o que é free shop
Créditos: catracalivre

O que é Free Shop?

As Free Shops são de grande ajuda pra você que, além de curtir a viagem, não abre mão de economizar na compra de produtos importados e também não quer gastar muito tempo em lojas. A economia acontece porque os produtos dessas lojas, localizadas em aeroportos internacionais e portos, são isentos dos impostos que normalmente são cobrados pelo país de origem. Sem falar que, às vezes, é difícil encontrar os produtos importados que são vendidos uma uma Free shop em outros lugares do Brasil por exemplo.

Atualmente, a empresa responsável pelas Free Shops dos maiores aeroportos internacionais do Brasil é a Duty Free. Vale avisar que pra você comprar em uma Free Shop, é indispensável ser passageiro de um voo internacional! Não é só ir até um aeroporto internacional e fazer compras, viu? Até porque elas ficam localizadas depois do portão de embarque .

o que é free shop
créditos: dutyfreedufry.com.br

Dicas Hurb

  • Um pouco antes da viagem você pode reservar os itens que deseja comprar. A Duty Free possui um serviço onde você pode reservar alguns produtos pelo site deles ou em umas das lojas nas salas de embarque, sem compromisso. Isso te ajuda a não correr o risco de não ter o item que você quer na loja e ainda pode te dar desconto na aquisição deles. Pra fazer a reserva, é necessário ter em mãos o seu passaporte, número e horário do voo de retorno.
  • Outra dica é pedir desconto no embarque, pois dependendo da quantia gasta nas compras antes de embarcar você pode garantir um cupom de desconto.
  •  Você deve também comparar os preços antes de viajar. Pra isso, basta entrar no site da Dufry e pesquisar os preços, depois compare com os outros Free Shops que encontrar.
  •  Fique atento em não confundir as unidades monetárias! Não se esqueça que os Free Shops da Europa, por exemplo, estão em euros e os do Brasil são cobrados em dólar.
  •  É certo que os Free Shops facilitam e muito a vida do viajante, entretanto, deve-se ficar atento ao fato de que alguns produtos não são mais baratos do que no exterior.
  • Produtos como perfumes, bebidas e óculos de sol, normalmente são itens que contam com um excelente preço nos Free Shops. Por isso, deixe pra comprar no exterior produtos que não existam nessas lojas.
  • Não se pode esquecer também da regra de líquidos em aviões, que limita a entrada desses produtos e elas valem para compras no Free Shop. O ideal é comprar líquidos ou gel no Free Shop da sua última parada antes de voltar para o Brasil.
  •  Outra dica importante é pagar suas compras em dólar, pois na loja da Dufry existe uma tabela de conversão de moedas em que o valor do dólar é um pouco mais caro que o dólar turismo.
Veja também:  Johnnie Walker lança bebida inspirada em Game of Thrones
o que é free shop
créditos: Eduardo Knapp/Folhapress

Mas e a cota de compras?

Muitas pessoas têm dúvidas quando se trata da famosa cota de viagem, mas vamos tentar facilitar e deixar tudo bem resumidinho. Em viagens internacionais feitas de avião, essas cotas lhe dão direito a 500 dólares em compras. Já em viagens de navio, as cotas são menores. Os passageiros de voos internacionais tem direito a duas cotas de compras durante cada viagem, sem que seja necessário pagar os impostos sobre os produtos. Essas duas cotas estão divididas em “cotas de compras internacionais” e “cota de compras no Free Shop de chegada ao Brasil”.

A primeira cota vale para os produtos que são comprados e trazidos de volta ao Brasil, a partir do momento em que você entrou na sala de embarque internacional até o seu retorno ao Brasil, incluindo o Free Shop do Brasil na área de embarque, as lojas do exterior e qualquer outra fora do Brasil. A cota de compras no Free Shop de chegada ao Brasil é quando estamos voltando de um voo internacional e fazemos a imigração no primeiro aeroporto, é lá que tem o único Free Shop que você terá direito à sua cota de compras. Nessa cota o próprio sistema da loja não permite que você compre mais que a cota disponível ou mais que a quantidade permitida de cada item.

Desde o dia 1º de janeiro de 2020, o limite para compras no free shop do aeroporto de desembarque no Brasil subiu de 500 dólares para 1.000 dólares por viajante. Já as compras no exterior para quem viaja de avião continuam com o mesmo limite de valor: 500 dólares. O valor total de isenção de imposto para um passageiro, caso ele faça compras no exterior, é de 1.500 dólares ( 1.000 dólares do free shop + 500 dólares da compra no exterior).

Veja também:  Guia de viagem: Buenos Aires com crianças
cota de viagem internacional
créditos: sunoresearch.com.br

E se eu ultrapassar a cota?

Se acontecer de você ultrapassar essa cota de 500 dólares, você provavelmente será parado na alfândega e deverá fazer uma declaração de que está trazendo itens acima da cota e passar pela fila de bens a declarar. É bem provável que você pague o imposto de 50% sobre o valor que passar da cota. Esse imposto só será pago quando você chegar ao Brasil, dependendo dos itens e valores que você trouxer.

alfândega aeroporto
créditos: falandodeviagem.com.br

Dica extra:

Costuma ser melhor fazer as compras no Free Shop do Brasil, no momento da volta ao país, pois além de você não precisar carregar as compras dentro do avião, esses itens não entram na cota de compras no exterior. Sendo assim você terá 500 dólares de compras no exterior e mais 500 dólares de compras no Free Shop do Brasil.

Aproveite essas dicas, economize bastante na compra de produtos importados e divirta-se em sua viagem!

Viva mais histórias com o Hurb!

1 comentário

Clique aqui para comentar